sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Esqueci

O endocrinologista de ontem me falou algo importante: Nunca devo comer "o que sobra" da comida do meu bebê. Ele tem a comida dele, o prato dele e eu o meu. Sempre que possível devo comer antes dele e só depois o alimentá-lo. Faço exatamente o contrário.





BALANÇA - Por falta de balança eu não deixo de emagrecer. O Representante da Beurer mandou a nova em substituição a outra com defeito e mandou outra "de brinde" de uma marca que não conheço, mas ele é super bacana porque acende e dá para ver o peso à noite e calcula quinhentas coisas. Agora tenho uma no quarto e outra no banheiro. Assim que elas indicarem 59 vou doar para alguém. 


PESO - Meu peso está 5 quilos a mais que no final da gravidez. Nada bom. E não vou ficar contando meu peso dia-a-dia aqui como fiz várias vezes, pois me sinto pressionada quando a coisa não acontece da forma como deveria acontecer. Então, quando eu estiver com 66 quilos contarei aqui. 











Pin It now!

4 comentários:

Adriana disse...

Oi Larissa, estou grávida pela segunda vez e desta vez , engravidei uns 5 kgs acima do meu peso. Estou muito ansiosa e à procura de blogs que falem de gestantes que não querem engordar muito mas o assunto é muito restrito , parece que as mulheres só pensam em manter a forma depois que o bebê nasce, aí querem emagrecer tudo em um mês... adorei lêr um pouco sobre sua experiência com a gravidez. Bjs!!

Anônimo disse...

Larissa, você perdeu muitos kilos comendo de tudo um pouco. Ok, deu certo.Mas o que funcionou antes, não quer dizer que vai funcionar sempre. Experiência própria. Muitos nutricionistas/endocrinologistas pregam que não devemos excluir nem um grupo alimentar de nossa dieta, mas acho fácil para quem está magro dizer isso. EU CANSEI DE VERDADE e fui em busca de mim...Eu foquei
no que eu queria, fiz pesquisas na internet e encontrei uma inspiração para seguir. Pensei, se ela (Fernanda Thedim-jornalista) emagreceu 40 kilos em 7 meses e está contando aqui (na Veja) tudinho, eu posso fazer como ela e no final de 7 meses terei perdido 40 kilos também. Uma luz muito forte surgiu em mim. Desta vez eu conseguiria...E, advinha? EU CONSEGUI. Faz 7 meses que mudei meus hábitos e perdi 30 kilos. Parece que estou sonhando.
Eu cortei açúcar e farinhas e perdi tudo isso. O açúcar usa o mesmo lugar do cérebro que a cocaína para viciar. Assim também acontece com a farinha. Isso é comprovado cientificamente. Depois de duas semanas de restrição, cadê a fome louca, a vontade de comer muito?Acabou. Passa a fase de abstinência destes 2 elementos e você vai longe. Eu garanto. O meu blog é o TEM PRO SEU TAMANHO (http://temproseutamanho.blogspot.com.br/) e eu conto com detalhes a minha dieta. Comecei faz pouco tempo.Quis compartilhar minha perda de peso com quem precisa. Outra fonte de ajuda muito grande e que esclarece todas as dúvidas
com relação a este método de vida (sim porque vira hábito) é o do
Dr. José Souto (http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/.
A história da jornalista Fernanda Thedim está aqui: http://vejario.abril.com.br/edicao-da-semana/diario-dieta-verao-reporter-veja-rio-fernanda-thedim-729878.shtml
Minha intenção escrevendo tudo isso aqui no seu blog é apenas ajudar, pois eu sei o que passei com 110 kilos. Sou outra pessoa agora.
Um beijo grande.
Dulci

Anônimo disse...

Larissa, acho o correto perder aos poucos e esquematizar tudo, cmo vc faz...Eu mesma estava com 67 e agora peso 57, rpreciso perder ainda 7 kilos mas estou confiante! Você ajuda muito, nao some não, ok? Mi,l beijos e parabens pela força de vontade! ;)

D. disse...

Parabéns pela força de vontade, mesmo quietinha acompanho seu blog há muitos anos, desde o começo praticamente. Força, você consegue! Beijo