sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Ueba !

Não tenho babá, empregada, só uma faxineira que vem de 15 em 15 dias, mas o pesado sou eu quem faz. O meu alívio é que a roupa quem passa é ela, senão estaria perdida. Também não faço comida. Aliás, faço só para meu bebê. Compro meu almoço num restaurante bem legal por quilo aqui perto (Falo pro dono que ele é meu salvador, risos). Só as misturas e faço o arroz japa aqui em casa (Gohan). Estou aprendendo a deixar de lado a "casa impecável" e se jogar na bagunça. Por enquanto, fica tensa quando está tudo de pernas pro ar. Ah, e a janta, normalmente, é lanche.

Quando fui ao Hawaii, a casa em que fiquei hospedada era uma PUTA zona. O lema era: Viver a vida. Comiam quando dava, o que queriam, iam para a praia quando dava vontade e as crianças de 6 - 5 e 2, se esbaldavam nessa vida quase sem regras. A Leila, mãe da casa, é lindíssima. Deixava as coisas rolarem e na hora de ir ao trabalho, pegava a roupa na secadora, passava um batom, enfeitava o cabelo com uma flor e alegria ! Era assim que eles viviam. Hawaiian style. Quem tá errado, né ? risos. 

Falando no meu lado mãe, muitas mães de primeira viagem e "um dia" mães passam por aqui. Então, vou dar dicas que agora, pós sete meses, eu gostaria de saber.

- As mamadeiras de vidro da NUK são as minha favoritas. Fácil de lavar, esterilizar e não desmontam como as das MAM. Tenho uma para água da AVENT, que também é legal. Da MAM, não recomendo não ... apesar de ser a Top Seller;

- Lenços umedecidos: Huggies pacotão com 96 (Na Raia por 11 reais);

- Leite artificial: NAN. Melhor preço no Supermercado DIA, que é um supermercado de quinta categoria, mas com preços bacanas;

- Esses sabonetes para bebê são um horror e ressecam a pele dele e nossa. O melhor líquido cabeça aos pés glicerina.

- Meu carrinho é Chicco, mas hoje preferiria um mais compacto, ele é muito grande. Para colocar no carro e um drama;

- Cadeirão: Comprei da Peg-Perego, show. Comprei na loja virtual da Alô bebê;  

- Fraldas até hoje só usei da Pampers verde e não tenho do que reclamar;

- Roupinhas: Invista no que mais usa. Bodies e calças. Aqueles macacões cheios de firulas devem ser um saco para os bebês;

- No Ebay comprei Bodies da Carter´s;

- No Ali Express comprei babadores Carter´s com preços bemmmmm bons, mas parece que são produtos não aprovados pela qualidade, mas atendem ao fim a que se destinam;

- Na FNAC tem uns fantoches muito legais. Comprei o de Bombeiro.



Férias. Ainda estou pensando se viajo pra longe ou para perto. Agradeço as dicas sobre Orlando. Na lista de opções está Santa Catarina, Argentina, Rio de Janeiro, Chile ... risos. 


Bom, agora vou estudar. Bebê dorme mamãe estuda.




** Se ficar alguma palavra errada, alguma frase desconexa. Desconsiderem. Posso redigir o post com um bebê no colo, então ... tudo pode acontecer, hahaha.
*** IPad X Kindle: Para ler, o Kindle continua insuperável. Testei os dois. :)
**** Estou bem a fim de colocar em prática a ideia de ir a pé ao trabalho. Vou devagar, ouvindo um som, chego lá, dou um tapa e pronto, risos. Mas só falar não adianta nada.
***** Trabalhar está sendo divertido, apesar de tudo.



Vi por aí:










Amanhã é Dezembro ! Meu mês ! Já estou doida pelo meu dia de Larissa. Vou ao salão de beleza, almoçar num lugar diferente, me dar um presente e pronto é tudo que eu preciso.







O que eu comi hoje ?






E ainda teve mais BAGEL, Melancia, pêssego, biscoito de polvilho e cereal ! 


- Posted using BlogPress from my iPad

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Ai que loucura !

O primeiro lugar em que noto meu emagrecimento é na barriga, que pouco a pouco está murchando ... gosto daqueles shorts brancos curtos para ficar em casa e os meus nem fechavam o zíper. E não é que hoje fechou ? Já começo a ter vontade de comprar novas roupas, passar um batom e ser feliz, risos.

Até outro dia, fiquei na fase de comprar só coisas para casa e esquecer de mim. Percebi isso a tempo e já está na agenda algumas roupinhas para alegrar minha autoestima. E no meu aniversário, que está próximo, vou ganhar roupas para deixar tudo mais empolgante e colorido.

Meu peso sobe meio quilo, desce meio quilo. Estável. Com o bebê às vezes, esqueço de comer, mas quando como é difícil sentar e comer devagarzinho e bonitinho como antes, por isso a falta de fotos.

Enfim, levando em consideração a rotina MALUCA da minha vida estou me saindo super bem e fico estressada só por querer a casa impecável o tempo todo. Meu bebê é gente fina pra danar e me ajuda sendo meu companheirinho.

Mas vou tentar fotografar ...

- Posted using BlogPress from my iPad

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Kindle Paperwhite

Meninas e meninos que moram nos Estados Unidos e puderem me ajudar ... Preciso de um kindle paperwhite, que não é vendido no Brasil nem pela Amazon internacional.

Se alguém se habilitar, podemos fazer assim: compro na Amazon e o "abençoado" me manda pelo Correio, mas precisa ter uma conta no Brasil para que eu deposite as despesas com o frete ou eu mando alguma coisa que você queira do Brasil ...

E na alfândega brasileira não tem problema se eu precisar pagar o imposto de importação :)

Serei eternamente grata !


- Posted using BlogPress from my iPad

domingo, 25 de novembro de 2012

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Antes e Depois !


- Em breve a foto do "depois" com a mesma roupa do post anterior.





Adorei esse antes e depois:







BICICLETA

Estou querendo muito aquelas bicicletas "dobráveis", sabe ? (Tenho pouco espaço) Quero andar na ciclovia da Paulista no Domingo, mas não tenho bicicleta ! Qualquer dia vou lá tentar pegar uma de empréstimo. Mas queria mesmo uma. Penso até em ir trabalhar de bike. Seria bem flashdance. Risos.














quinta-feira, 22 de novembro de 2012

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Orlando !

Tenho milhas para ir e voltar de Orlando e estou pensando em ir no ano que vem. Preciso de dicas e principalmente da experiência de viajar com bebês. Com um aninho !  

Orlando é bacana ? Vale a pena ? E no avião com o bebê ? E na hora de comer ? E a Disney ? E as compras ? 





segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Ser mãe é algo extraordinário.


Como a gente fica mais forte, né ?


E muito melhor.


:)

sábado, 17 de novembro de 2012

IPad

Comprei o new IPad lembram ? Mas devolvi .. Achei que nem era tão bacana assim e que não valia o alto investimento.
Senti falta porque o iPad é pratico e com um bebê era uma facilitador. Daí conheci o SouBarato que é a ponta de estoque do Submarino e Americanas. Vende produtos reembalados com bons descontos. Comprei de novo e acho que foi o mesmo que devolvi (sortuda) porque tinha uma micro detalhe na emenda .. Sei lá ! Vou acreditar que era o meu ... E com a atualização do IOS os problemas que encontrei foram melhorados e estou feliz da vida com meu iPad ... Poderei postar mais com fotos ... Que divertido ! Estou usando o BlogPress para postar, aplicativo que é pago e bem mixuruquento, mas é o melhor que pude encontrar.

Bota

A bota chegou !
Fui contentona usar, mas não fechou na batata da perna.
Ahhhh, mas vai fechar .... Ah, vai.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Banana amassada

Estou comendo mais frutas do que antes. O que sobra da banana, do mamão, da pêra ... Mas tudo bem pouquinho e em substituição a doces que eventualmente comeria. Ótimo !


E a sorteada foi ...

JUDITE ...

Me mande um email com seu endereço completo incluindo o CEP.
Se der tira uma foto com seu peso na balanças o resultado pós emagrecimento.
Receberá direto da Loja Virtual.

Arrase com o presente.

- Posted using BlogPress from my iPad
E o mês mais divertido de todos está chegando. Dezembro. Ah, como eu adoro. Tanta coisa boa acontece. Aniversário  Natal, Ano Novo, Recomeço ! Adoro. Fiz uma lista de todos as pendências que quero colocar em ordem antes de começar o ano. Tem uns cinquenta itens ! Vou pôr tudo em ordem e ficar livre para dar uma relaxada. Quero assistir The Walking Dead ! embaixo do cobertor.

Ontem almocei no Almocei no Almanara, comida árabe. Delícia. Arroz com cabelinho de anjo e quibe.



Bem que eu podia chegar ao 59 de presente de aniversário !

Ah, a Paula chiquetérrima acabou de chegar de New York e trouxe minha agenda Moleskine 2013 ! Ueba !  E mais um potão de Cetaphil e a perigosa GOOBER, creme de amendoim com geleia de morango que é delícia.




2012-11-20 15.41.37

Sorteio !

Caramba ! Quantos participantes !
Sorteio hoje às18 horas ....

- Posted using BlogPress from my iPad

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Folha

Dieta emagrece mais do que exercício, 
mostram pesquisas
JULIANA VINES
DE SÃO PAULO


O último round da disputa científica entre dieta e exercício físico (qual emagrece mais?) foi vencido pela mudança alimentar.
Atividade física até ajuda a perder uns quilos, mas quem está acima do peso --48,5% da população brasileira, segundo o Ministério da Saúde-- precisa fechar a boca para ter resultado, de acordo com pesquisas recentes.
Uma delas, publicada em outubro último no periódico "Obesity Reviews", analisou os resultados de 15 trabalhos. Todos mediram o efeito de atividades físicas, como caminhada ou corrida, em pessoas que não fizeram mudanças na dieta.
As conclusões não animam. Na maioria dos estudos (que envolveram 657 pessoas e duraram de três a 64 semanas), a perda de peso foi menor do que a esperada.
"Algumas pessoas conseguem emagrecer bastante, mas, em geral, a prática de atividade física resulta em uma perda de apenas dois ou três quilos", disse à Folha Timothy Church, um dos coordenadores do trabalho. Ele é médico do Centro Pennington de Pesquisa Biomédica, em Louisiana (EUA).

COMPENSAÇÃO
Se toda atividade física causa queima energética e se para emagrecer basta ter um saldo negativo (gastar mais do que ingerir), por que a conta nem sempre fecha?
O trabalho de Church levanta algumas hipóteses. Segundo a principal delas, quem faz exercício acaba compensando a perda de calorias comendo mais. Isso aconteceu em pelo menos dois artigos analisados.
"Não sabemos por que isso ocorre, estamos estudando melhor agora", afirma.
Para o médico do exercício Marcelo Leitão, da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte, é comum as pessoas superestimarem os efeitos da atividade física.
"As pessoas têm uma noção errada de que se fazem exercícios podem comer o que quiserem. Se você fizer uma hora de atividade e depois tomar uma cervejinha, já recuperou o que perdeu."
Para gastar 500 calorias (meta diária de quem quer perder meio quilo por semana) é preciso fazer uma hora de atividade de alto impacto, como uma aula de "jump". O esforço pode ir embora em dois pedaços de pizza.
"Uma hora de caminhada por dia muda indicadores de saúde, mas não necessariamente faz perder peso", acrescenta Leitão.
Editoria de Arte/Folhapress
FAZENDO AS CONTAS

"É muito mais fácil cortar calorias do que gastar. As dietas, em geral, são supercalóricas", afirma Julio Tirapegui, bioquímico e pesquisador da Universidade de São Paulo.
Uma pessoa com sobrepeso pode consumir mais de 3.000 calorias por dia e um obeso chega a 5.000, segundo o médico argentino Máximo Ravenna, autor de "A Teia de Aranha Alimentar" (Guarda-Chuva, 264 págs., R$ 38). "Não tem como compensar isso com exercício. Tem que reduzir pelo menos 40% da ingestão de alimentos."
Outro ponto a considerar é que o gasto de energia resultante do exercício não é exato: varia segundo o condicionamento físico e as características pessoais (altura, peso, idade). Na dieta, dá para fazer as contas com precisão e cortar calorias.
Foi calculando tudo que colocava para dentro que Lucélia Bispo, 27, auxiliar administrativa, perdeu 23 quilos em cinco meses, sem exercício. Ela fez uma dieta de pontos de um site especializado.
"Não deixava passar nada, anotava até uma bala", diz ela, que antes já tinha feito regime, sem sucesso.
"Sempre dá aquela impressão de que não vamos poder comer nenhuma besteira. Mas aprendi que se for um pouquinho, tudo pode."
O recorde de Lucélia foi ter perdido 2,3 kg em apenas uma semana.
Depois de emagrecer bastante, ela passou a fazer uma dieta de manutenção. Hoje está com 71 kg. "Só agora vou fazer academia, porque fiquei com um pouco de flacidez."

IMPOSSÍVEL NÃO É

É claro que quem pratica exercícios com regularidade e foge da armadilha da compensação alimentar consegue perder peso.
Na cabeça do psiquiatra Volnei Costa, 31, nunca passou a ideia de fazer regime: "Gosto muito de comer".
Quando viu que precisava emagrecer, manteve o cardápio e começou a treinar pesado seis vezes por semana, alternando musculação e exercícios aeróbicos. Em seis meses eliminou oito quilos --passou de 79 kg para 71 kg. Hoje está com 76 kg. "Ganhei massa muscular", diz.
Victor Moriyama/Folhapress
Volnei Costa, 31, perdeu 8kg só fazendo exercícios físicos
Volnei Costa, 31, perdeu 8kg só fazendo exercícios físicos


Abandonar o sedentarismo também foi decisivo para a designer Camilla Pires, 23. Com 21 anos e 85 quilos, ela começou a nadar. A atividade motivou mudanças no cardápio. "Passei a pensar mais no que comia. Estava fazendo muito esforço, não podia desperdiçar."
Por um ano, ela juntou a fórmula dos sonhos dos especialistas: adotou uma " alimentação saudável" e se mexeu mais. Além da natação, passou a correr. Perdeu 24 quilos. "Para mim, o que fez a diferença foi o exercício, mas também parei de comer compulsivamente ", conta.
O pesquisador americano Timothy Church, apesar das ressalvas, admite que, com a atividade física, o emagrecimento fica mais fácil. E até dá a receita: 150 minutos de caminhada rápida por semana e 2 dias de treinamento com pesos (20 minutos por dia).
Para Franz Burini, professor da Unesp e médico da academia Reebok Sport Club, não existe atividade física ideal. "O melhor exercício é aquele que é feito", afirma. E não precisa passar uma hora na academia para ter resultado. "Ser fisicamente ativo é se mexer mais todo o tempo. Tem pessoas que treinam uma hora e ficam paradas as outras 23."
Editoria de Arte/Folhapress

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

E eu não tinha tendência para engordar.
Tinha tendência para comer.



Como a gente se engana com esse papo de tendência. Até deve ter, mas acho que é a minoria. De resto, quem engorda é quem come além da conta e não gasta. Sem mais firulas. É matemática. Sobram calorias e o corpo "esperto" armazena.


Frô da novela: Adoro a autoestima dela. Tudo de bom ! 


sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Calças jeans

Depois de emagrecer, a compulsão mudou. Do pão foi para as calças jeans. Foi uma alegria enorme entrar no provador e pedir uma calça de tamanho normal e servir lindamente. A primeira foi da Siberian número 42 sem lycra. Foi um evento, já que há anos usava 48 com lycra. Até com lágrimas nos olhos fiquei. A partir daí, fui emagrecendo mais e essa já não servia porque estava larga ! 

Aí com o corpo OK. comprei a minha primeira número 40, que foi da M. Officer (Antes de tornar uma marca brega com um monte de badulaques grudados no bolso), que é linda. 

E hoje, peguei a pilha de calças jeans do armário e experimentei uma a uma e lembrei a alegria da compra de cada uma delas. 

Fiquei ainda mais empolgada em seguir em frente e usar aquelas maravilhas que estão lá só esperando a gordura sair.


E vou comprar uma nova. 38. Tipo essa. 




quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Sorteio de balança Plenna

Vou sortear uma balança Plenna para os leitores do Blog !
Não, você não precisa curtir o blog no facebook para concorrer ...
É meu agradecimento por todo apoio, sempre.



Quer participar ?
Deixe nos comentários:
Nome e Email.
Idade, peso e altura.

Sorteio dia 15.11.2012.










Exercício de motivação: Se imaginar diante do espelho com aquela calça jeans linda que está no fundo da gaveta. Servindo lindamente.

Uepaaaa !



quarta-feira, 7 de novembro de 2012

E fiz a unha.
E entrei na calça que não servia.
E tudo ficou tão melhor.



“I usually solve problems by letting them devour me.”
— Franz Kafka, Letter to Max Brod





segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Acontece ...

.
.
.
.




Por mil e uma circunstâncias engordamos. Nem vou entrar no mérito do porquê comemos tanto e deixamos  as coisas chegar onde chegam. Aliás, apesar de tudo, não tenho a resposta. O fato é que engordar desencadeia uma série de desgastes que refletem em quase todos os campos da vida. 

Admiro muito os gordinhos, que mesmo insatisfeitos com sua figura, não deixam de cuidar do cabelo, usar roupas possíveis bacanas, viajar, paquerar, viver ! 

Comigo foi diferente. Na melhor época da vida adulta (faculdade), lá estava eu: "A obesinha da classe". Era dessa forma  que eu me sentia. 

Ah ... deixei de viver tanta coisa bacana e muita coisa, sem sombra de dúvida seria diferente hoje. Como fui tonta ! 

Queria só ser normal, como todos os outros. Sim eu me sentia diferente. E era. 

A obesidade reflete na autoestima, que reflete na segurança na tomada de decisões e no enfrentamento de inúmeras situações da vida.  

Não. Ser gordo não é divertido. Não estou falando de excesso de peso, mas de obesidade. 

Ah, como foi difícil. E como ainda é.  

Quando emagreci e deixei de ser obesa. Senti uma força dentro de mim e tudo passou a ter mais cor. Me sentia eu de verdade. 

Fiquei tanto tempo apagada, escondida e infeliz dentro daquilo que não era eu. 

Tá Vou concordar que não é fácil tomar a decisão de emagrecer e ir até o fim, mas fica tudo tão melhor, que não entendo como ainda continuo assim, se conheço os dois lados.

Foco garota ! Siga em frente. O emagrecimento é só uma das facetas a serem resolvidas. Vá até o fim. 


obstinar Conjugar
v. tr.
1. Tornar obstinado.
v. pron.
2. Teimar e persistir; não ceder; perseverar.













domingo, 4 de novembro de 2012

Peso

Peso: ainda sessenta e seis.

Meu bebê pesa sete quilos e quando dou um passeio com o canguru percebo que sete quilos é peso pra danar e faz uma enorme diferença no corpo. Fiquei pensando que eu carregava quase 7 bebês de seis meses o tempo todo comigo ...  



sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Almoço de hoje (só agora) !

Macarrão de arroz coreano. Acho bem delícia. É fininho. O prato é do tamanho de um pires, o garfo de sobremesa. Esqueci o nome, mas é primo do Yakisoba. O nome é YAKIBIFUM. Obrigada Letícia ! 





Fazer papinha é muito fácil. Não ficou com uma cara ótima ? Já fiz batida, amassada ... a dessa vez foi PAPINHA BATIDÃO TUDÃO. Coloquei batata, chuchu, mandioquinha, abobrinha, cebola, cenoura e pouquíssimo sal.

Erro na quantidade, sempre sobra. Pelo jeito acontece com todas as mães ! 

Adoro as sugestões das mães experientes. Estava temperando tudo de uma só vez, mas o ideal é só depois de descongelar. Na próxima, faço assim. Podem me encher de conselhos. Adoro.