quinta-feira, 7 de junho de 2012

Alimentação contra cólicas de bebê

Essa noite foi perfeita. Nada de cólicas. Só acordamos para ele mamar e trocar a fraldinha. Tudo certo ! Amamento por livre demanda. Cuido dele com muito amor ... converso com ele o tempo todo, canto cantigas de ninar, fico agarradinha com ele. Não deixo ele chorando longe de mim não ... não teria coragem :)

Ontem, fiz a "cagada"de tomar vitamina de abacate no fim da noite. Talvez, o resultado disso ainda esteja por vir ... Então, hoje começo o dia revendo a minha alimentação e deixando de lado leite e seus derivados, frutas cítricas, feijão, frituras e chocolate. Estou na fase da tentativa e erro. Não há comprovação científica de que a alimentação da mãe influencie no leite materno do bebê, mas depois conto se deu resultado ou não.

Vou tentar postar as fotos dessa "dieta"... 



(Chá de camomila e bole de fubá)


O bole de fubá fui eu que fiz. Do Panelaterapia, como sempre.



RECEITA DO BOLO DE FUBÁ 



"Eu já testei várias receitas de bolo de fubá, mas essa é a mais simples e a que eu mais gosto. Fica fofíssimo! E o melhor: é de liquidificador êêêê!!!!!

Comece ligando o forno em 200º, enquanto isso, junte no copo do "liqui": 
3 ovos;
2 xícaras de fubá;
1 xícara de farinha de trigo;
2/3 de xícara de óleo;
2 xícaras de leite;
1 e 1/2 xícara de açúcar.

Bata bem, junte 1 colher (sopa) de fermento em pó e bata mais um pouquinho só para misturar (dizem que o fermento não pode ser batido demais senão perde suas propriedades, então, quem sou eu p/ duvidar né?).

Coloque em forma untada com óleo e enfarinhada e leve ao forno até a superfície dourar. Como cada forno  tem suas peculiaridades, para saber quando está pronto faça o teste enfiando uma faquinha de ponta ou palito de dente, se sair limpo, pode tirar do forno. Esse papo de que não pode abrir o forno só vale para os primeiros 25 minutos após ter colocado o bolo p/ assar, depois disso pode abrir que não danifica o bolo".



Estou preparando um desses:



Pin It now!

7 comentários:

Fernanda disse...

Larissa, sou sua fã! Muito fã! Te acompanho desde antes das plásticas. Fiquei muito feliz pelo nascimento do teu bebe! Tenho uma filhinha de 2 anos, tudo de bom! Não posso te ajudar na questão da alimentação, pois minha filha foi prematura, ficou 45 dias na UTI, e não pude amamenta-la. Mas jaouvi falar de varias outras mamães que influencia sim!
Inspirada por vc, comecei um blog pra me ajudar no processo de emagrecimento: www.diariodaemagrecida.blogspot.com.br
Espero ter tanta força e sucesso quanto você!
Beijo grande e parabéns pelo baby :)

A teimosa disse...

aposto ke o ke não falta é fotos do seu principe..kkkk mas qto a alimentação é assim mesmo..a gente vai testando testando até que uma hora acerta.. bjokas e um ótimo feriado

Wilma disse...

Isso mesmo, amamentar por livre demanda, certíssima. Quando tive minha filha, nos primeiros dias ou meses, ela mamava de hora em hora por cinco minutinhos e cansava...tinha dias de ir para o "trono" fazer xixi com ela no peito,rsrsrs, mas com o passar dos dias e das cólicas foi melhorando.
Você também é minha inspiração para o meu emagrecimento, e esses bolinhos eu os faço na forminha cupcake pois assim me controlo mais,como um por dia,excepcionalmente dois, quando vou a rua eu levo,faço o mais integral e saudável possível, gosto muito do de banana do Panelaterapia,é ótimo!
Esse pezinho e sapatinho de tricô tá fofo,eu fiz alguns,agora nem sei mais,rsrsrs.

Keila disse...

Sabe o que né mais gostoso? Saber que nesse mundo virtual a vida também segue. sinto um orgulho alheio por você, eu que leio seus textos desde 2007... Paz e saúde pra vc e o pequerrucho!

Cláudia disse...

Oi, Larissa! Olha, a minha experiência em relação as cólicas é que minha alimentação influenciava e muito no bem estar do meu bebê. Eu tomava muita água! Quanto mais água, mais leite. Cheguei ao ponto de só comer chuchu, arroz, frango, leite de soja e biscoitinho água e sal. Claro que virei pele e osso, mas era comer algo fora disso e pronto! A choradeira e o contorcionismo era certo! Enfim, cada caso é um caso. Sorte aí!
Bjs.

Linda disse...

Que delícia comparar assim a evolução do nosso pimpolho.
ver como eram frágeis e como foram tomando forma, crescendo...
Faça mesmo, é uma recordação para sempre.
Beijinhos

Babi disse...

Ola Larissa tudo bem? O cha vc adoça com adoçante ou açucar?
Bjo